set 032010
 

Qual o motivo de uma simples dor de cabeça incomodar tanto? (Hélio “Zitto” Sbroion Rocha)

A dor de cabeça é um dos males mais comuns da humanidade. E uma dos mais incapacitantes também, perdendo apenas para a dor de barriga. Deixamos de lado muita coisa quando sucumbimos ao incômodo latejante na caixa de pensar. Trabalho, estudo, namoros e baladas. A obrigação e a diversão ficam de lado quando a enxaqueca ataca, e a única coisa que queremos saber onde diabos fica o botão que irá desligar aquela maldita sirene berrando silenciosamente lá dentro.

Exatamente por isso a dor de cabeça é uma das desculpas mais comuns quando não se quer fazer alguma coisa. Todos conhecem os efeitos devastadores de uma enxaqueca forte, daquelas bem brabas mesmo. Do tipo que rezamos para que o professor tenha em dia de aula, ou que os maridos rezam para que a mulher não tenha na lua de mel. E como é um mal individual, sem sintomas visíveis, não dá para saber quando a dor é de verdade ou não. Para terror dos mencionados maridos.

Ah, mas para isso inventaram a aspirina e similares, não? A fórmula da aspirina é muito antiga, lá do tempo dos gregos e egípcios. Por séculos a fio o homem utilizou-a para aplacar a dor de cabeça e outros males como febre e inflamação das articulações. Mas foi somente no século XIX que a ciência começou a desvendar os mecanismos químicos da substância no sistema nervoso. Mas não cabe descrever este processo aqui, pois é muito chato. Deixo essa parte por contado meu amigo Zitto, autor da pergunta. É mais a área dele.

Da mesma forma, detalhar os processos fisiológicos da dor de cabeça seria enfadonho, para não dizer pretensioso. O que é que o Monge entende de Medicina que não pode ser lido na Wikipédia? Assim, quando a dor de cabeça atacar de verdade, tome uma aspirina. Ou algum medicamento à base de dipirona, se você não se dá bem com o ácido acetilsalicílico. E se por acaso a dor persistir, procure um médico. Mas não se esqueça de verificar se a sua dor de cabeça é de verdade. Do contrário, o remédio não vai fazer efeito mesmo.




Confira também

coded by nessus

 Leave a Reply

(requerido)

(requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>